sábado, 2 de outubro de 2010

Meu ídolo, me herói - Entrando nos 60...

Hoje é aniversário do homem que me espelho,
meu ídolo,
meu bruxo,
meu mago,
meu engenheiro,
meu cozinheiro,
meu curandeiro.
meu pajé,
meu médico,
meu super-herói,
meu tudo,
meu ídolo,
meu PAI.
Eu TE AMO MUITO PAI.
Obrigado por tudo que me ensinou e por todo Amor que você me dá.

Um comentário:

  1. Acabo de me sentir um pouco Liu Xiaobo, ganhei o Nobel e não fui avisado. Filho, sei que tua imaginação é fértil e que a generosidade com os adjetivos é grande, mas de qualquer modo te agradeço pelo carinho, mesmo tendo lido tardiamente, me emociono com a tua lembrança. Te amo da forma mais pura e incondicional.

    ResponderExcluir

Pode meter a boca!