segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Gosto que gostem de mim.

Não odeie! você só esta assim.
Pois nao resistes a mim.
E tudo que lhe peço.
Você diz que sim.

E assim vai ficando.
Com sentimentos pairando.
Em seus sonhos divagando.
Flutuando num mar sem fim.

Não se sinta mal por ser feliz.
E se nao ficamos foi por um triz.
Não foi porque eu não quis.
Pois o querer tomou conta de mim

Será que preciso falar?
O quanto ao seu lado quero estar
Porque se tiver "VOU GRITAR"!

Pra que ouçam em auto e bom som.
Como na cama somos bons.
E do deleite estrondoso ao gozar.


Daniel Bronzeri Barbosa (28/02/2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!