domingo, 24 de abril de 2011

A Saudade

A saudade é esperança,
uma criança no peito a crescer.
A saudade é vontade,
de te beijar ao te ver.
A saudade as vezes me dói
e até me faz chorar.
Mas também me traz alegrias,
só por me fazer lembrar.
A saudade me deixa confuso
e também de mau humor.
Me deixa cego, vazio e obtuso,
causa tremedeira e torpor.
Reflito, não minto.
Saudade, obrigado eu sinto.


Daniel Bronzeri Barbosa (24.4.2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!