segunda-feira, 6 de junho de 2011

Saber, bem maior da humanidade!

Platão já dizia:
"Uma vida não questionada não merece ser vivida."

E é por isso que todos deveriam diariamente,
se não a todo instante, perguntar pra si mesmo.

O QUE ESTOU FAZENDO?
POR QUE ESTOU FAZENDO?
ONDE QUERO CHEGAR COM ISSO?
O QUE QUERO ALCANÇAR?

E se não tiver a resposta.
Alegre-se, existe algo a pesquisar.
Existe um motivo pra viver.
Algo para buscar
Coisas para aprender.

E voltamos a Platão ou melhor a seu mestre Sócrates que dizia:
"Existe apenas um bem, o saber. E apenas um mal, a ignorância."

Sim, pois o não SABER é hipócrita, é tolo, é fraco.
O não SABER é abrir mão da decisão sem ao menos saber o que pode ser essa decisão.
O não SABER é ignorar os fatos, optar pelo fácil agora e a difícil regra imposta por outrém.

Quem não sabe porque não quis,
abre mão de ser capaz.
Pode vir a ser feliz.
Mas será sempre capataz.
Da dúvida e da ignorância.
Do estado de ficar parado.
Em inobservância.
Do viver calado.

Eu sei. Ainda bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!