terça-feira, 5 de março de 2013

Voltar ao zero...

Voltar ao zero pode ser a solução.
Mesmo com bagagem nas costa.
Mesmo com perdas impostas.
Mesmo com dor no coração.
O reinicio pode ser bom.
Precisamos nos reinventar.
Escrever novas cartas de Amor.
Um novo conteúdo, para esta flor.
Um novo jeito de ser, permanecer, ficar.
O bom hábito de sorrir ou de chorar.
Precisamoa voltar ao início.
Mais cansado, suado e sofrído.
E também calejado, aprendido.
Voltar na beira do precipício.
E decidir descer no abismo.
Escuro, incerto e mais uma vez novo.
Novos caminhos fazem outros destinos.
Pois velhos mapas, levam ao mesmo lugar.
Arrisco tudo. Outra vez.
Tenho muito a perder, mas tento.
Quem ja perdeu sem arriscar.
Arrisca e tenta ganhar.
Não existe vitória eterna.
Nem perda que nunca acabe.
Volto ao zero.
E que os Deuses me guardem...

Daniel
5.3.13

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!