sábado, 8 de junho de 2013

Aceite! Tudo muda...

A única certeza que temos na vida é que tudo muda.

E a todo momento.

A estabilidade é a mudança.  Nosso sangue nunca para dentro de nós. O penso não para e não é por que não lembramos que ele não existiu.

Somos uma máquina de mudar, diferentes a cada milionésimo de segundo, a cada pulsar, a cada pensar.

Por isso precisamos aceitar mudanças,  bruscas ou não. Perdas, infelizmente é preciso aceitar as perdas, mesmo sem o tal aprendizado. E os ganhos,  mesmo os que não queremos.

Mudar é preciso, como fazer uma roda de bicicleta se deslocar para se mover.  Seja pelo esforço do pedalar, escorregando pelas intempéries ou pela simpkes inércia da descida.

Beijos na bochecha

Dan

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!