sábado, 5 de abril de 2014

Sobre o tempo e a vida!

Nenhuma fórmula provará que o tempo possa ser economizado.
Não existe teoria,  no universo, que te faça guardar o tempo.
Ele simplesmente passa. Voa, some!
Cabe a nós decidirmos se queremos ser velhos ou apenas idosos.
O velho não aprende mais, já sabe de tudo, já teve todas as experiências possíveis nesse mundo.
Ser velho independente da idade que Chronos nos deu. Ser velho é opção as vezes da genética, mas opção!
Já para ser idoso,  basta fazer aniversário, passar mais um ano vivo.
Quero aprender Até minha morte; experimentar coisas e viver com intensidade.
Quero Amar,  como aprendi depois de tanto tempo,  com todos os poros que me pertencem. Não só com intensidade e dedicação, mas com respeito, carinho e admiração. E sentir a retribuição. É fundamental ser Amado também.
Mas só o tempo, senhor de tudo,  zeloso, preciso, piedoso, decisivo que pode me ajudar nisso.
Só ele que tanto vê e tanto faz pode me dar tempo para Viver.
Mas se este me faltar, terminar antes do previsto.
Posso lhes dizer que vivi, no alto de meus quase 40, vivi com muito mais alegrias que tristezas. Com muito mais humor que drama. Com sonhos, realizados ou não, por inteiro mas completo, sem ter perdido a vontade de viver,  de me conhecer e conhecer a todos que me deram a honra de viver comigo.
Posso morrer incompleto,  pois nunca acabarei essa obra chamada vida!
Mas morrerei Feliz e Satisfeito. Amado e Amando!

Um comentário:

Pode meter a boca!