segunda-feira, 14 de março de 2016

Estaríamos prestes a ver um Golpe Democrático em uma Ditadura de Esquerda?

Começo dizendo que posso estar errado, mas acredito que posicionamento é necessário, se realmente ver no futuro que estava errado assumirei,mas não serei mais um omisso.

Porém não fui na manifestção como alguns achavam que dessa vez seria possível, fui quando criança nas diretas já, que tinham o objetivo claro de derrubar o regime e retonar com o modelo de democracia pluripartidária, fui no fora Collor ou movimento dos caras pintadas, quando a juventude não derrubou um governo, mas ajudou a forçar a opinião pública, mas não fui em 2013, nem irei agora, pois não acho que exista uma mudança real e significativa, podem falar que 7 milhões de pessoas nas ruas (e não vou julgar se foi isso tudo, se eram de classe A, B ou C, pois são de fato 7 milhões de brasileiros descontentes) e outros tantos que não foram nas passeatas, mas saíram no dia 13 de camiseta amarela para mostrar indignação (também não vou criticar qual camisa era e que símbolo de fato ela representa), mas indignação por indignação eu tenho da Samarco ainda estar operando, tendo mortes em Francisco Morato, RJ, no Sul do País ou no Acre pois as chuvas inundaram os locais que foram mal planejados e não fiscalizados em suas ocupações, me indigno igualmente pelas crianças no farol, pelos moradores de rua, pelos exilados que a Europa fecha as portas na cara. Ou um país que tem um candidato machista, preconceituoso e milionário que acha que pode comprar tudo e todos. Tudo isso igualmente me indigna.

A roubalheira na Petrobrás é um fato, mas não é novo, agora precisa ver se realmente querem investigar a Petrobrás ou apenas o período do PT no poder, a compra de votos no congresso e senado não foi uma invenção do PT, acredito até que foi uma adequação, tenho certeza que ocorreu, mas não é uma novidade, porque não se investiga de fato a aprovação da reeleição, os trâmites que isso levou. Sem contar casos do BANESTADO, da CEMIG, de Furnas, do BANESPA, da TELESP, da PAULIPETRO, do METROSP,no BNDES essa ao meu ver seria grande ou o Escândalo do HSBC que foi tratado com panos quentes pois quebraria familias que dominam as telecominicações, Marinhos, Civitas, Saads, Neves, Sarneys, Magalhães e outros quebrando definitivamente o status quo, mas e a coragem?

Estamos (pelo menos meus contemporâneos, com menos de 40 anos) vivendo nossa pior crise política. Econômica ao meu ver ainda não, mas política com certeza. OK, alguns relembram da ditadura, mas mesmo com os direitos cerceados do voto, da expressão ou mesmo de sair as ruas, meus pais tinham um objetivo claro e hoje não vejo isso em LUGAR ALGUM DA SOCIEDADE. Vejo uma vontade clara "que a corrupção acabe", mas para a grande maioria parece que é a qualquer custo, ou seja, mesmo sendo uma justiça unilateral ou no mínimo uma meia justiça. Eu não tenho um objetivo claro, apenas uma vontade igual de que a DEMOCRACIA prevaleça.

Acredito muito na culpa do Presidente Lula (que ainda não foi provada), como acredito na culpa do Presidente Collor (provada) e na Culpa do Presidente FHC (aind anão comprovada e não vista por essa maioria contra a corrupção, miopia, má vontade, desfaçatez?) em desvios de bens, vantagens ilícitas e manipulação do erário para seu próprio bem. Lula na Petrobrás, FHC nas privatizações em especial do BANESTADO e seus arquivos escondidos, Collor na caruda, um milionário que virou biliardário com a caçada aso marajás (aos seus iguais).

Acredito na culpa, na soberba e na impáfia do Partido dos Trabalhadores, principalmente após sua chegada ao poder e a luta para manter o poder pelo poder, de gente como Dirceu, Belluzo, Genoíno e tantos outros, na culpa, nos desmandos, na volúpia e volatilidade do Partido do Movimento Democrático Brasileiro e dos Democratas (que precisou mudar de nome pois como Partido da Frente Liberal não suportava mais) não preciso nem falar pois são motivos, motivos pra mais de metro, sem esquecer que também acredito na culpa e igual desonestidade da cúpula do Partido da Social Democracia Brasileira, Aécio Neves, José Serra, José Anibal e mais um monte que se vai por aqui. Caixa dois, propina, desvios internacionais de dinheiro, apoio de outros governos, tudo está ai para quem quiser de verdade procurar.

Porém vejo com pesar a ascensão "heróica" de um cara desigual, um Juiz, que deveria proteger a todos e ser justo e mais parece um justiceiro, seus amigos ele não vê, seus amigos ele não pune, seus amigos não são sequer investigados, mesmo tendo motivos para isso. Me faz remeter a mesma operação Mãos Limpas que deflagrou a caçada da corrupção na Itália quando Borsellino e Falcone magistrados Italianos, se depararam com a quantidade de juízes nos bolsos dos partidos e da máfia italiana, me faz comparar a formação acadêmica e de magistradas organizada pelo PCC para sua própria defesa, com certeza um crime muito bem organizado e é onde coloco em dúvida a "boa vontade" do atual Juiz, qual o intúito de um Juiz conclamar o povo, qual o intuito do juiz ser midiático, o que faria um Juiz participar de um evento de pré-candidatura do partido contrário ao que ele está "caçando"? Seria ingenuidade dele? Ou maledicência mesmo?

Como tudo são suposições e suposições não provam nada me dou ao direito de errar e se necessário pedir desculpas, mas como também tudo são fatos e fatos mostram que o que estou falando de realmente aconteceu (pode ser que não seja apurado pela justiça mas muita coisa aconteceu) me dou ao direito igualmente de não achar o novo Sassa Mutema, nem me coligar a pessoas com uma visão direcionada, focada e restrita do nosso problema.

Se um dia quiserem discutir e planejar um país diferente, reforçando outras mensagens, textos e e-mails com reforma política, reforma tributária, reforma previdenciária, reforma educacional e melhoria na saúde e na segurança estarei a disposição. Quando quiserem pensar em diversidade, pluralidade, no bem da maioria (talvez isso seja um problema a detectar se a maioria é a maioria que as pessoas querem), na justiça social, igualdade de direitos para mulhers, crianças, negros, indios, deficientes e outros tantos injustiçados pela história estarei aqui para ouvir.

Se estão certos em dizer que vivemos uma ditadura de esquerda, quero viver a minha vida nessa ditadura de esquerda, que não mata, que não tortura, que dá voz ao povo contra ela, que enaltece a eleição direta, que mantém um congresso nacional pluripartidário e com multi-opiniões, que dá liberdade de imprensa, que dá liberdade de trabalho para sua justiça. Não tem como mensurar que SE ISSO QUE VIVEMOS FOR UMA DITADURA DE ESQUERDA, prefiro mil vezes ela a uma DITADURA MILITAR DE DIREITA.

Agora se for apenas mimimi de tirar essa pra por aquele, acharei sim que é um golpe.

E em achando que é um golpe esperarei o desmantelamento da Petrobrás para um maior privatizção dela, aguardarei a venda do pré-sal para a Chevron, espero realmente e quem quiser apostar comigo eu aposto que a PF vai maneirar até mesmo com o PT que no fim das contas terá como barganhar a frouxidão de Juízes.

Eu moro no Brasil, não sei até quando...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!