sábado, 3 de setembro de 2011

Coments in Post (Poeminha resposta)

Todo Amor é inteiro.
Senão não é Amor.
Não é Amor verdadeiro.
De meio me basta a dor.
A dor de espreitar sorrateiro.
De janeiro a janeiro.
Escondido no corredor.
De um novo lugar, estrangeiro.
Me sinto perdido solteiro.
Solteiro por Amar sem Amor.


Danibron Silver

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pode meter a boca!